EVIDÊNCIA

ARABRAS - PARCERIA E AMIZADE INTERNACIONAL

No dia 01 de maio deste ano, o alemão Erich Kupfer (fundador da obra ARABRAS) comemorou seus 90 anos de idade, somando um legado de dezenas de projetos sociais, educacionais e ambientais no Brasil.

Em 1996, em missão por diferentes instituições, Arnold (pela ARABRAS), Nelson Russo (pela Universidade do Sagrado Coração - USC) e Joani (morador de Araguacema/TO) atuaram conjuntamente no Assentamento Gameleira, naquela cidade de Araguacema/TO, iniciando uma história de amizade, de parceria e de bons frutos.

A ARABRAS e a USC desenvolveram excelentes trabalhos juntas, com destaque para a criação da Escola Agrícola Municipal de Araguacema para atender e orientar alunos vindos dos assentamentos da região.

Em 2002, foi criada a associação SocialDHC, formada por moradores tocantinenses e professores da USC (de Bauru/SP). Em sua gestão, associados como Nelson Russo, Luiz Pasquali, Joani Lima, Luiz Gustavo, Lilia Rocha, Antônia Aguiar, Elídio Luiz, Elda Cavalcante, Eliene Guedes e tantos outros fizeram a instituição ser credenciada como OSCIP pelo Ministério da Justiça e a firmar parcerias importantes.

Em 2003, com a publicação - pelo Ministério do Meio Ambiente - de que Pequizeiro (cidade tocantinense a 90 km de Araguacema) era um dos municípios com mais elevado índice de desmatamento da floresta amazônica (82,75% de área já desmatada) e considerando a fragilização e os riscos sociais das crianças daquela cidade, a SocialDHC planejou a Escola de Agroecologia, que ofereceria orientações em contra-turno escolar e implementaria uma nova Tecnologia Social.

Em 03 de agosto de 2004, a ARABRAS firmou parceria com a SocialDHC sobre os pilares da confiança estabelecida em uma longa amizade de seus (distantes) gestores e iniciou-se a construção da ESCOLA DE AGROECOLOGIA "VALE DO ARAGUAIA" - Pequizeiro/TO.

Inaugurada em 15 de março de 2005 com 45 alunos, passou a 60 e rapidamente chegou ao limite de 85 alunos. Novos e fortes parceiros se somaram, dentre eles a FACULDADE GUARAÍ - FAG, a UNITINS, o Governo Estadual e a Prefeitura Municipal de Pequizeiro (esta durante apenas 4 meses).

Não limitando-se às salas de aula, o Projeto Escola de Agroecologia tornou-se o programa mais importante da SocialDHC, estruturando-se sob sua égide de atendimento às crianças, também o Projeto Mel e Vida que iria levar orientação e fomento à produção agrícola sustentável para famílias sertanejas e tradicionais da região.

O Projeto Mel e Vida fortaleceu-se, o Governo Federal (por meio do CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e o Instituto HSBC Solidariedade aumentaram as possibilidades de atendimento e de orientação, estendendo as ações à 08 (oito) municípios, dentre eles Pequizeiro, Araguacema e Guaraí.

No ano de 2006, quando a Prefeitura Municipal de Pequizeiro/TO recuou efetivamente, em sua participação no Projeto Escola de Agroecologia, um momento de muita dificuldade para dar continuidade aos trabalhos, a ARABRAS contactou outras instituições européias e manteve as atividades de atendimento à infância desenvolvidas no pequeno município brasileiro, colaborando financeiramente para com a obra da SocialDHC.

Neste ano de 2010 iniciou-se a implementação da 2ª unidade da Escola de Agroecologia, agora na cidade de Guaraí, com a parceria imediata da ARABRAS e da Faculdade Guaraí/FAG.

Em todos os momentos de dificuldade e de alegria, a SocialDHC pode contar com seus parceiros institucionais mais efetivos, dentre eles - com certeza merecem destaque - a ARABRAS, a Faculdade Guaraí/FAG e o Instituto HSBC Solidariedade.

Amizade entre as pessoas, credibilidade nas propostas e eficiência na gestão, ingredientes que elevam a qualidade das políticas sociais.

GALERIA DE FOTOS

  • Programa de Desenvolvimento Humano

  • Mini Curso de Apicultura

  • Escola de Agroecologia

  • Unidade II da EAGRO

  • Projeto Mel e Vida

  • Reforma da Escola de Agroecologia

PARCEIROS

SOCIAL DESENVOLVIMENTO HUMANO E COMUNITÁRIO
Av. Vila Nova, 2005 - Pequizeiro - Tocantins CEP: 77.730-000
Fone: (63) 3225-1254 - E-mail: contato@socialdhc.org.br
“qualificada como OSCIP – Organização da Sociedade Civil de Interesse Público,
pelo Ministério da Justiça, de acordo com a Lei 9.790/99”